quarta-feira, 26 de junho de 2013

CPI DAS CRIANÇAS DESAPARECIDAS RECEBE DELEGADO DA PF

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) que investiga o desaparecimento de crianças no estado realizará uma reunião nesta quarta-feira (26/06), às 11h, na sala 311 do Palácio Tiradentes, para debater os procedimentos tomados pela Polícia Federal na condução de casos de possíveis raptos. “O delegado da Polícia Federal Erick Blatt dará uma palestra sobre como se deve lidar com essas situações, que envolvem, muitas vezes, casos de pedofilia. Acredito que certos aspectos do processo de investigação ficarão mais claros”, comentou o presidente da comissão, deputado Paulo Ramos (PDT).

fonte>>http://noticias.promad.adv.br/alerj/153559/cpi-das-crianCas-desaparecidas-recebe-delegado-da-pf

Duas crianças vítimas de exploração sexual e trabalho infantil são localizadas pela PRF no Entorno do DF



Duas crianças vítimas de exploração sexual e trabalho infantil foram salvas pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) na noite desta sexta-feira (14) em Alexânia (GO), região do Entorno do DF. A ação fez parte da Operação Copa das Confederações PRF.  
As vítimas eram encarceradas em uma chácara que fica às margens da BR-060, na altura do quilômetro 14, e a suspeita da polícia é que no local funcionava uma casa de prostituição.  
O inspetor Daniel Bonfim, responsável pela operação, explicou que a corporação recebeu um pedido da Vara da Infância e da Juventude e da Secretaria de Segurança Municipal para apurar a denúncia.  

A corporação contou com auxílio de cães farejadores e na chácara denunciada foram encontradas armas, munições e drogas sintéticas.   
Vítimas dormiam em ambiente insalubre e usavam lençóis sujos de sangueDivulgação / PRF
— Achamos vários cachimbos de crack, oito comprimidos de uma droga sintética conhecida como "cápsula de vento", remédios abortivos, um revólver calibre 38 e dez munições.   
O inspetor esclareceu que as crianças, de dez e 12 anos, eram obrigadas a trabalhar e a cumprir as tarefas domésticas.  
No quarto onde as vítimas dormiam, foi comprovada uma situação "deplorável".  
— Ambiente totalmente insalubre e sujo. As crianças são irmãs e dormiam em lençois contaminados com sangue. Elas têm as mãos bem calejadas, sinal de esforço e trabalho físico.  
No momento da ação, as crianças estavam na escola e agora estão sob a guarda do Conselho Tutelar. Nas próximas horas, elas serão submetidas a exames de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal), que também analisará os lençóis sujos de sangue.      
Bonfim disse que foram presos o dono da chácara, que admitiu ser o dono da arma, a mulher dele, que é garota de programa, e três usuários de crack suspeitas de abusar sexualmente dos menores.  
— A garota de programa disse que as crianças são filhas de uma colega que teria pedido para que ela cuidasse delas.   Outros trabalhos e buscas ainda serão realizados na parte externa da casa neste sábado (15). Os suspeitos estão detidos e poderão responder por estupro de vulneráveis.  
O dono da chácara também pode ser indiciado por porte ilegal de armas. As penas, caso condenados, podem chegar a 15 anos de prisão. 

Google vai doar US$ 5 milhões para erradicar a pornografia infantil da web

O Google tem intensificado seus recursos técnicos e financeiros para eliminar imagens de pornografia infantil online. A empresa anunciou que vai doar US$ 5 milhões para erradicar as imagens na internet. O dinheiro será dividido entre o Centro Nacional de Crianças Desaparecidas e Exploradas (NCMEC) , e outras instituições semelhantes de outros países. O Google anunciou também a impressão digital nas fotos que irão facilitar a elaboração de relatórios e remoção de imagens.
Em 2006, o Google fez uma parceria com a Technology Coalition, para desenvolver soluções para empresas de tecnologia contra tal abuso. Segundo comunicado no blog oficial, desde 2008, a empresa usa tecnologia "hashing" para marcar conhecidas imagens de abuso sexual, o que permite identificar imagens duplicadas que podem existir em outros lugares. O monitoramento é automático, sem intervenção humana.

O Google assinala que em 2011 foram recebidas 17,3 milhões de imagens e vídeos de suspeitos de abuso infantil, quatro vezes mais do que os recebidos em 2007. "E o número continua crescendo." Mais da metade dessas imagens vêm de fora dos Estados Unidos. A ferramenta de segurança, NCMEC CyberTipline, está acessível em 60 países para que polícia destes países possa obter os dados.

Mãe de criança abandonada em terreno baldio é localizada

A mãe do bebê que foi abandonado dentro de uma mala em um terreno baldio no dia 8 de junho emFazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba, foi localizada nesta última terça-feira (18) pela Polícia Civil. De acordo com informações do delegado Rodrigo Silva de Souza, Franciele Barbosa, de 20 anos, confessou ter abandonado a filha por falta de condições financeiras.
Franciele relatou à polícia que havia decidido por abandonar a filha desde o início da gravidez, pois já possui um filho de três anos. Durante o depoimento, o delegado afirmou que a mãe do bebê não demonstrou nenhum sinal de arrependimento.

Segundo informações do delegado, vizinhos e bombeiros relataram que no local onde a recém-nascida foi encontrada havia ratos e cobras. Por causa das condições insalubres do local onde a criança foi abandonada, a mãe deve responder em liberdade pelo crime de abandono de incapaz e por tentativa de homicídio.
A Polícia Civil de Fazenda Rio Grande cruzou informações de relatos de vizinhos para localizar a mãe da criança. De acordo com o delegado Souza, o bebê teria sido abandonado em torno de 1 hora da madrugada de terça-feira, sendo encontrado por moradores da região somente por volta das 11 horas.
A criança foi encontrada dentro de uma mala em um terreno baldio, no bairro Estados. Um cachorro que latia em frente ao local na Avenida Rio Amazonas chamou a atenção dos moradores, que encontraram o bebê e acionaram o Corpo de Bombeiros.
Segundo a Polícia Civil, a menina foi encaminhada ao Conselho Tutelar, que deve se encarregar dos procedimentos legais de adoção. 

Pai acusado de matar os filhos em Espanha em julgamento

Pai acusado de matar dois filhos julgado em Espanha (EPA/Rafa Alcaide)

Pai acusado de matar dois filhos julgado em Espanha (EPA/Rafa Alcaide)

Pai acusado de matar dois filhos julgado em Espanha (EPA/Rafa Alcaide)

Pai acusado de matar dois filhos julgado em Espanha (EPA/Rafa Alcaide)

Ruth Ortiz, a mãe das duas crianças desaparecidas em Córdoba, Espanha, e cujas ossadas foram encontradas no quintal dos pais do ex-marido, disse, esta quarta-feira em tribunal, que o homem «não era carinhoso». José Bretón, acusado de matar as duas crianças de seis e dois anos, começou na terça-feira ser julgado. Em tribunal, negou as acusações. 

Esta quarta-feira, o tribunal ouviu a mãe dos menores, Ruth e José, dizer que, durante o casamento, teve de «normalizar muitos comportamentos do ex-marido» e que evitava discutir com ele para «não o aborrecer». A mulher disse ainda que o ouviu dizer muitas vezes que «não iria deste mundo sem matar alguém», avança o jornal «El Mundo» na sua edição online. 

Ruth Ortiz revelou ainda que quando decidiram ter filhos, ele fez questão de frisar que as crianças seriam «responsabilidade» dela e sublinhou que a relação de pai e filhos era de um «contolo obsessivo».


fonte>>http://www.tvi24.iol.pt/internacional/pai-espanha-criancas-homicidio-tvi24/1461837-4073.html


Centro Kala-Kala realiza trabalho para a localização de famílias de crianças internadas

Icolo e Bengo – O Centro de Formação Integral Cidadela Jovens de Sucesso Kala-kala, adstrito à Igreja Católica, localizado em Mazozo, município de Icolo e Bengo, em Luanda, iniciou este ano a efectuar um trabalho para a localização dos familiares das crianças que se encontram internadas no local.
 
Em declarações à Angop, o director do centro, Agostinho Chilingutilo, disse que actualmente o centro possui 98 crianças, das quais 75 tiveram as suas famílias localizadas nas províncias de Luanda e do Kwanza Norte e muita delas têm prestado algum apoio moral e financeiro aos filhos internados.
 
O responsável afirmou que o centro utiliza os programas da Direcção Provincial da Educação para os anos lectivos e possui projectos   de entretenimento para a ocupação dos tempos livres das crianças.
 
Explicou que a direcção do centro pretende recrutar um psicólogo para acompanhar e ajudar algumas crianças que presumivelmente possuem distúrbios mentais, falta de concentração nos estudos. 
 
“Muitos destes rapazes usavam drogas nas ruas e bebidas alcoólicas em excesso, por isso apelamos aos psicólogos para que cooperem com o centro para nos ajudar nos programas de ensino e formação”, explicou o responsável.
 
Segundo ele, para além de haver alunos internos a instituição possui 123 estudantes externos da primeira à sexta classe, que são submetidos ao programa de ensino académico, enquanto os internos recebem formação de serralharia, electricidade, construção civil e de agricultura básica.
 
Deu a conhecer que as crianças do centro, com idades compreendidas entre os 12 e 22 anos, depois da formação continuam com as aulas académicas nas escolas do primeiro ciclo e são empregadas em várias unidades fabris existentes nos municípios de Icolo e Bengo e de Viana.
 
Este estabelecimento, sublinhou, incita contactos com a repartição municipal da Educação para as matrículas de todos alunos internos para continuarem os seus estudos e tem gizado um programa para ajudá-los a encontrar o primeiro emprego.
 
Entretanto, acrescentou, enquanto se procura seguir os trâmites legais para a matricula no ensino do primeiro e segundo ciclos, bem como para a obtenção do primeiro emprego, todos os jovens ficam em casa trânsito de Dom Bosco afecto à Igreja Católica.
 
O Centro de Formação Integral Kala-kala possui quatro pavilhões para o ensino profissional, quatro salas de aula para os alunos externos, refeitório, salas  de informática e de professores, biblioteca, quadras desportivas, jango para entretenimento e auditório.



Crianças fogem da Mão Amiga e estão desaparecidas



Três crianças fugiram da Mão Amiga no último domingo, a tia de uma delas faz um desabafo, e pede providencias das autoridades responsáveis- para ajudar a encontra-las. Sem saber com quem contar, Aristelina Feliciano Gomes, procurou nossa equipe. O caso é bastante complicado e corre em segredo de justiça por isso focamos apenas no sumiço das crianças.

fonte>>http://www.tvriopreto.com.br/portal/?p=42218

Escolinha de futebol transforma a vida de crianças em Fortaleza

Uma escolinha de futebol localizada no Bairro Vila Manoel Sátiro, em Fortaleza, há 36 anos transforma crianças em cidadãos e, do campinho de terra batida, já saíram jogadores como Júnior Cearense e Jônatas, os dois já convocados para a Seleção Brasileira.
O fundador da escolinha, jornalista Paiva Filho, diz que sempre busca dar formação humana às crianças homem. "Talvez movido pelo um sonho, uma luz divina. Eu montei de forma humilde, mas com responsabilidade. Esse trabalho aqui na Vila Maoel Sátiro. Se tem surtido efeito eu não sei, mas nós buscamos o melhor. Primeiramente, a formação cidadã. A seriedade no caminhar. O olhar para frente", conta.
O professor de Educação Física, Erivan Júnior, não se tornou um craque da Seleção Canarinho, mas conseguiu ser o que mais Paiva Filho deseja: um cidadão. "Ele gasta dinheiro do próprio bolso para manter a escolinha. Isso aqui é um refúgio para jovens de bem. Pois o tiram das drogas e da violência", disse.
Menina prodígio
No campinho não são apenas os meninos que fazem sucesso. A pequena Vitória Gabrielly sonha em ser a Marta, da seleção brasileira de futebol feminino. "Depende do estudo. Se eu fizer isso corretamente eu posso conseguir chegar lá. Ser uma boa aluna e uma craque de bola", disse.
Ao tentar justificar o sucesso da escolinha, Paiva Filho tem um explicação simples. "Eu não pesso nada a ninguém. Nem ONG e associação. O que eu tenho é vontade de trabalhar", diz.